Mecânica

6 Dicas para os freios durarem mais – Parte 2

freios

A instalação de novos freios no seu carro pode custar caro, mas muitos motoristas não percebem que a maneira como estão dirigindo pode afetar a vida útil dos freios.

Se você fizer algumas mudanças pequenas e conscientes no seu estilo de dirigir, poderá descobrir que seus freios duram muito mais e que você pode dirigir por muito mais quilômetros sem precisar de um novo conjunto.

Portanto, continue lendo este artigo e descubra as 4 dicas finais para que seus freios durem mais tempo. Vamos lá?!

4. Não siga o exemplo de outras pessoas

Só porque outras pessoas dirigem de uma maneira que é prejudicial para as pastilhas dos freios não significa que você precisa fazer o seu com a mesma coisa.

Frequentemente, mesmo que a pessoa à sua frente não preveja ter que desacelerar com bastante antecedência, você ainda terá a oportunidade de enxergar bem à sua frente para poder desacelerar suavemente.

Não permita que os hábitos de outras pessoas sejam uma desculpa e não afetem a quantidade de vezes que você precisa trocar de freio.

 

5. Pense em viagens regulares que você faz

Todos nós podemos nos tornar complacentes quando fazemos uma viagem várias vezes por semana.

Logo, se você dirige de e para o trabalho, geralmente pode ter pressa de chegar em casa do escritório e isso pode afetar a maneira como você dirige.

A aceleração e desaceleração rápidas dificilmente economizarão muito tempo em sua jornada e podem realmente prejudicar os freios.

Se você conhece bem a rota, saberá onde estão os obstáculos, como semáforos ou rotatórias, antes de alcançá-los e poderá diminuir a velocidade de maneira mais suave se pensar no que está fazendo antes de chegar lá.

Em viagens regulares, fazer essas pequenas alterações pode realmente melhorar a vida útil dos freios e evitar que você precise trocá-las com a mesma frequência.

 

6. Faça verificação regulares nos seus freios

Fazer verificações regulares nos freios dará a você a chance de corrigir pequenas coisas antes que elas se transformem em problemas maiores.

Isso pode significar que seus freios duram muito mais tempo, e gastar uma pequena quantia de dinheiro agora pode evitar que você tenha que desembolsar para substituí-los inteiramente no futuro próximo.

 

Conclusão

Enfim, todas as 6 etapas mostradas neste dois posts, embora possam parecer um pouco inconvenientes a princípio, logo parecerão perfeitamente naturais.

Com um pouco de persistência, você conseguirá melhorar a forma como dirigi e com isso reduzirá o número de vezes que precisa freiar ou trocar os freios.

 

Fontes:

autopapo

autobutler

doutormultas