Emplacamento de carros importados, táxis e veículos populares

Emplacamento de carro, como fazer?




Como fazer o emplacamento de carro

Quando se adquire um carro novo, uma das primeiras preocupações que nos bate a cabeça é o primeiro emplacamento de carro. Todos estes serviços podem ser feitos pelo proprietário ou, se este preferir, por um promotor. No caso do promotor podemos dizer que boa parte do trabalho será poupada, mas o seu dinheiro não. Por este motivo, vamos aqui tentar explicar como fazer o emplacamento de carro da forma mais simples possível.

Emplacamento de carro

Documentos necessários para o primeiro emplacamento de carro

  • O proprietário do carro novo pode transitar da concessionária até o órgão de transito DETRAN para se registrar nos 15 dias consecutivos à emissão da nota fiscal. Para isso, é necessário ter consigo:
    • A primeira via da nota fiscal;
    • Original e cópia do comprovante de endereço;
    • Original e cópia do documento oficial de identificação, com foto recente e em bom estado e CPF, em caso de pessoa jurídica, CNPJ;
    • Termo de constatação fornecido pelas concessionárias ou laudo de vistoria* emitido pelo DETRAN.

    Lembrando que:

    • A data de emissão da nota fiscal não pode ter mais que 30 dias para que possa ser considerada válida. Se este for o seu caso, passe num ponto de atendimento da Secretaria da Fazenda para que ela possa ser regularizada.
    • O atendimento só acontece com agendamento prévio, que pode ser realizado no site do DETRAN.
    • Se você não tem o termo de constatação, é necessário agendar uma vistoria veicular, que pode ser feito no mesmo site.

    *Na compra de um  carro(0 km) não é necessário ter o laudo de vistoria do DETRAN, desde que você peça, ainda na concessionária, o decalque dos números do chassi e motor no verso da respectiva nota fiscal. Também será necessário, junto do número, a assinatura de um gerente ao lado da data e carimbo da concessionária.*

    E estes são todos os documentos necessários para efetuar o emplacamento de carro novo para uso normal. Mas sabemos que cada caso é um caso. A seguir, verifique os documentos necessários para o emplacamento de carro importado, carro oficial, carro de aprendizagem e TAXI, caso seja o seu caso.

  • Emplacamento de carro importado

    Para acasos de importação independente, onde o fabricante não interferiu, além dos documentos citados é necessário comparecer com:

    • Certificado de Adequação à Legislação de Transito (CAT), que pode ser solicitado e retirado no DENATRAM
    • Leve o comprovante de importação ao invés da mota fiscal.
    • Nestes casos, o laudo de verificação deve ser realizado no DETRAN.

 

  • Emplacamento de carro oficial

    No caso de carros oficiais, o qual acredito que não haja necessidade de explicar aqui, justamente pelo fato de que estes carros servem à oficiais do estado ou governo, necessitam de outros documentos e pelo mesmo motivo existem algumas isenções:

    • Nota fiscal emitida pela montadora ou concessionária;
    • Identificação, pintada com o logotipo nas portas, do órgão do qual o carros pertence;
    • Não será cobrada taxa pelo emplacamento de carros oficiais;
    • Será cobrado o seguro obrigatório.
  • Emplacamento de carro de aprendizagem

    Além dos documentos que devem ser apresentados para fazer o emplacamento de carros normais, para emplacar um carros de aprendizagem, de auto-escolas por exemplo, você precisará de:

    • Certificado de Segurança Veicular CSV, expedido por uma instituição oficializada.
    • O carro deve ter uma faixa amarela de 20 centímetros de largura. A faixa deve ser pintada ao longo do carroceria e com inscrição: AUTOESCOLA na cor preta.
    • Antes do primeiro registo para emplacamento é necessário agendar a Vistoria Veicular para autorizar a emissão do CSV.
  • Emplacamento de TÁXI

    Para efetuar o emplacamento de um carro que virá a ser utilizado como TÁXI, você precisará de:

    • Cópia do CRV com frente e verso, do carro ou nota fiscal (caso seja 0 km);
    • Cópia do documento de identificação do permissionário, o que quer dizer: RG, CPF ou CNH;
    • Cópia do Alvará da prefeitura ATUALIZADO com todos os dados do carros, legalmente autorizados com nomeação do assinante;
    • Se o carro for financiado, é necessário trazer comprovante de autorização do banco.

Duvidas ou sugestões nos contate AQUI.

Fonte: umcomo

 

 

Use as setas ← → (arrow) para avançar e ir até a PRÓXIMA página